Frete grátis para Curitiba e são paulo(sp) nas compras acima de R$149

Venda de artigos de moda com enfoque em tecnologia, sustentabilidade e responsabilidade social.

0

Blog Revival/Últimos Posts

Sabotagem & Gentileza

23/10/2020

Sabe a impressão de que uma parte de você está “jogando contra” você? Isso se chama autossabotagem

Mecanismos de autossabotagem são comportamentos que criamos – de forma consciente ou insconsciente – e que nos prejudicam, travam e impedem a gente de fazer o que quer. São aquelas coisinhas que fazemos sem pensar e que acabam nos afastando dos nossos objetivos de longo prazo. Normalmente acontecem para evitar frustração e outras emoções ruins.

Podem acontecer de formas diferentes pra cada pessoa, veja se você se identifica com algum desses comportamentos:

PROCRASTINAÇÃO
>>Você é super perfeccionista mas acaba procrastinando suas tarefas, meio sem querer. Geralmente acontece quando são tarefas que te deixam estressada ou ansiosa, e adiá-las parece trazer um pouco de alívio momentâneo. Você acaba perdendo um tempão nas redes sociais ou coloca prazos vagos para as tarefas, do tipo “ah, semana que vem eu faço isso”. O problema de procrastinar é que a sensação de alívio logo passa, e com ela vem a culpa por não ter feito o que precisava. Uma verdadeira bola de neve que deixa a gente ainda mais ansiosa!

BOICOTANDO O AMOR
>>Você está em um relacionamento legal e acaba agindo de maneira infantil ou implicando com coisas pequenas, como se uma parte de você estivesse querendo afastar o outro. E é isso mesmo, é como se o seu inconsciente estivesse querendo te proteger da intimidade. Relacionamentos profundos e verdadeiros exigem que a gente se mostre como é lá no fundo, exponha nossos medos, defeitos e frustrações. Todo mundo precisa de relacionamentos assim, mas ao mesmo tempo fugimos deles, mostrar a nossa fragilidade nos deixa vulneráveis, e dá medo de não ser aceitas como somos.

ME COLOCO PRA BAIXO
>>Você sempre vê o lado ruim das suas conquistas e tem mania de se ver como inferior. Tem dificuldade em receber elogios mas no fundo quer muito ser aprovada pelos outros. Aparentemente é um tipo de sabotagem mais comum nas mulheres, mas pode atrapalhar inclusive nossa evolução profissional. Esse tipo de atitude diminui a nossa confiança no próprio taco e também faz os outros confiarem menos na gente. Pesquisas mostram que pessoas excessivamente modestas agradam mais porém são vistas como menos competentes.

O que fazer?

A melhor maneira de mudar comportamentos de autossabotagem é percebê-los, avaliá-los e descobrir novas formas de reagir. Fazer terapia é essencial, na maioria das vezes não conseguimos perceber sozinhas.

Falar sobre os problemas e ter uma rede de apoio também é super importante para você conseguir visualizar os seus problemas sem aumentar ou diminuir o tamanho deles.

Aqui vão algumas diquinhas rápidas:
– A maneira que você enxerga os desafios muda tudo. Encare quem você é como um enorme projeto em construção: cada etapa e tentativa importa, as frustrações e tropeços no meio do caminho vão te deixar mais completa e experiente lá na frente. Tudo bem fracassar, cometer erros no trabalho, descobrir que um relacionamento não deu certo. Você está vivendo, é preciso passar pelo lado difícil também.

– Desenvolva o hábito de avaliar seu comportamento e emoções. Você está mal? O que pode ter te deixado assim? Como você reagiu aos problemas que teve recentemente? Escrever pode te ajudar a perceber esses processos.

– Se tem a tendência a sabotar relacionamentos, tente identificar os gatilhos de comportamento que te fazem reagir de forma negativa. Será que você está repetindo algum modelo da sua família? Converse na terapia e divida os medos com o parceiro. A intimidade traz alguns desconfortos, mas lembre-se que é essencial para crescer em uma relação saudável.

– Encontre todos os dias um motivo para ser grata por quem é. Reconhecer os nossos acertos é vital para o nosso crescimento! Precisamos ser gentis com nós mesmas 🙂

– Aprenda a dizer não. Coloque na sua agenda tempo para descansar e para fazer coisas que gosta e acredita. Se você não planejar, vai acabar lotando seus dias com a prioridades dos outros e sabotar não só os seus projetos mas também a sua saúde.

– Quando tiver um projeto ou desafio grande demais, procure quebrá-lo em tarefas menores. É muito mais fácil terminar uma tarefa de uma hora do que um projeto de meses. Uma tarefa pequena completa vai te motivar a completar a próxima e aumentar seu senso de realização. Assim quando menos perceber você estará finalizando um grande projeto!

– Quando tiver medo de fracassar, faça mesmo assim. Coloque o medo na mala e vá junto com ele. Não existe outra maneira de fazer que não seja tentando.

Mergulhe na sua jornada e corra os riscos de fracassar, grandes coisas a gente constrói aos poucos!

Fontes:
https://www.psychologytoday.com/intl/basics/self-sabotage
https://www.psychologytoday.com/intl/blog/living-finesse/202006/how-recognize-and-defuse-self-sabotage
https://www.psicanaliseclinica.com/auto-sabotagem/
https://www.psychologytoday.com/intl/blog/the-mindful-self-express/201806/the-top-3-reasons-why-you-self-sabotage-and-how-stop

WANT COUPON
Oi! Quer R$15 OFF
na primeira compra?
    EU QUERO!